Publicidade
Notícias | Região Novo Hamburgo

Obra do novo Hospital Unimed entra na reta final

Previsão de entrega do prédio é no próximo dia 30 de outubro, iniciando em seguida montagem da estrutura interna e a contagem regressiva para a inauguração marcada para 5 de março de 2021

Publicado em: 02.10.2020 às 07:13 Última atualização: 02.10.2020 às 10:11

Grupo Sinos 360 | Branded Content
Conteúdo produzido em parceria com Unimed Vale do Sinos

Outubro chegou e trouxe junto um clima de muita expectativa. Desde ontem, a Unimed Vale do Sinos está na contagem regressiva de 30 dias para uma das datas mais significativas de sua história. Quando o mês estiver chegando ao fim, se encerrará também o frenético calendário de construção do moderno e muito aguardado novo hospital, um marco para a cooperativa em seus 45 anos de atuação.

O prédio será entregue oficialmente no próximo dia 30, apenas 19 meses depois de iniciado e confirmando a surpresa que causou na comunidade, desde que os operários chegaram ao local, pelo seu ritmo muito acelerado de construção. A rapidez, aliás, se torna ainda mais impressionante pelos números envolvidos. Afinal, são 21.619,33 metros quadrados de área total em construção.

No momento, 85% da obra está concluída. E quem passa pelo local, ao lado do Parcão, em Novo Hamburgo, segue com o mesmo olhar impressionado ao observar um batalhão de trabalhadores atuando em diversas frentes. Eles dão forma final a um prédio de sete andares que vai abrigar 140 leitos, sendo 20 deles de UTI adulta e cardiológica. As demais áreas incluem centro cirúrgico com sete salas, transplantes, centro de diagnóstico, emergência, laboratório, restaurante e 150 vagas de estacionamento.


A expectativa é muito grande! Estamos a pouco tempo de ver o sonho do novo Hospital Unimed virar realidade!

Toda essa complexa estrutura tem investimento de R$ 100 milhões, sendo empregados ainda outros R$ 40 milhões na próxima etapa, com a montagem da estrutura interna de equipamentos. O chamado ‘‘recheio’’ se inicia já no dia 30 de outubro e, a exemplo da obra, também será feito com rapidez, se estendendo até fevereiro de 2021. Logo depois, no dia 5 de março, o hospital será inaugurado e abrirá suas portas para atender os pacientes da Unimed Vale do Sinos, particulares e outros convênios.

Nos corredores do hospital atual, que fica ao lado do novo, bem como em outros ambientes da Unimed, o clima é de satisfação e ansiedade para testemunhar um sonho se materializando diante de seus olhos, com o prédio que viram ser erguido finalmente pronto.‘‘A expectativa é muito grande! Estamos a pouco tempo de ver o sonho virar realidade!’’, reforça o presidente Luis Carlos Melo.

CRONOGRAMA

Dezembro de 2018
Na noite do dia 12, no local que meses depois se transformaria em um grande canteiro de obras, era lançada a pedra fundametal;

Março de 2019
O dia 15 marcou efetivamente o início da obra de construção;

Outubro de 2020
No dia 30, a comunidade vai presenciar outro momento sigificativo: a obra será oficialmente entregue;

Outubro de 2020
O dia 30 zera uma contagem, mas inícia outra, marcando também o começo da equipagem das áreas internas;

Fevereiro de 2021
A conclusão da montagem da estrurtura interna está marcada para o dia 20;

Março de 2021
A inauguração do novo hospital já está agendada para o dia 5 de março!

2022
Após a inauguração, o calendário segue, já que para o ano seguinte está prevista a inauguração do complexo de saúde, que inclui a reforma do hospital existente e o edifício garagem.

ENTREVISTA

nnnnnn

LUIS CARLOS MELO, presidente da Unimed Vale do Sinos

O presidente da Unimed Vale do Sinos, Luis Carlos Melo, destaca que o planejamento da construção da obra foi, desde o início, muito audacioso. Leia, a seguir, a entrevista:

Que avaliação o senhor faz do andamento da obra, especialmente levando em conta que nos últimos meses houve necessidade de adaptações às restrições impostas pela pandemia?

O Planejamento da construção da obra desde o inicio foi muito audacioso, pois o objetivo seria construir uma grande estrutura em 24 meses. Durante este período passamos por algumas intempéries, como chuvas, pandemia, o que fez com que tivéssemos que acelerar outros pontos para manter a programação inicial. Fomos muito felizes na escolha da construtora Engeform, que aceitou o desafio e está garantindo os prazos das execuções.

O que o senhor pode destacar das diferentes frentes de trabalho envolvendo profissionais da Unimed que foram criadas para garantir a execução desse projeto e como foi coordenar e liderar esse processo?

A construção de um hospital é, talvez, a obra mais complexa que exista, pois envolve muitas disciplinas. Para garantir todo este trabalho, foram contratadas diversas consultorias especializadas e foram criados dois comitês internos de trabalho na Unimed para acompanhamento: um técnico e um médico. O comitê técnico da Unimed possui profissionais multidisciplinares, o que garante a visão sistêmica de todas as áreas e, assim, o sucesso do projeto.

O senhor considera que o planejamento e execução, mesmo com eventuais contratempos, como os gerados pela pandemia, por exemplo, ocorreram da forma desejada?

Com certeza, todos os aspectos do projeto, seja da construção até colocá-lo em funcionamento, foram planejados exaustivamente, revisados e rediscutidos inúmeras vezes para garantir o sucesso deste empreendimento.

Obras do Hospital Unimed

SAIBA MAIS

Para saber mais detalhes do novo hospital, acesse o portal criado pela Unimed

Se quiser outras informações, acesse direto o site da Unimed Vale do Sinos

PARA SEGUIR

Facebook - @unimedvs.rs

Instagram - @unimedvaledosinos

Twitter - @unimedvs_rs

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.