Publicidade
Acompanhe:
Notícias | Região Verão

Para os próximos dias, 'calor muito acima do normal', diz meteorologia

No sábado, as máximas podem chegar aos 42°C na região metropolitana

Última atualização: 12.03.2020 às 12:28

Calor deve se intensificar nos próximos dias Foto: GES

Parece clichê, mas falar em calor sufocante tem se tornado rotina nos últimos dias no Rio Grande do Sul. As manhãs amenas, com intensa elevação nas temperaturas, aliadas à presença do sol forte, tem colocado as temperaturas máximas acima dos 30°C. Meteorologistas afirmam que, para os próximos dias, a elevação será ainda maior, podendo, no sábado (14), chegar a 42ºC na região metropolitana de Porto Alegre durante o período da tarde. O forte calor pode atingir, ainda, regiões como o Oeste e o Noroeste gaúcho.

Segundo a MetSul Meteorologia, o calor ficará 'muito acima do normal'. Mesmo nos Aparados da Serra, onde a altitude supera os 1 mil metros, haverá pontos em que os termômetros devem indicar temperaturas acima dos 30°C. O calor menos intenso está previsto para o Litoral. O clima seco, sob forte quadro de estiagem, traz risco de incêndios em vegetações, especialmente no fim de semana.

Verão sem La Niña

Geralmente o fenômeno La Niña provoca estiagem em várias regiões do Brasil, especialmente no Sul. Conforme a MetSul, a associação entre El Niño e chuva ou La Niña e seca é falsa, uma vez que a pior estiagem que afetou o Rio Grande do Sul no século, em 2005, ocorreu com El Niño. A meteorologia ressalta, ainda, que houve verões com La Niña e sem estiagem tão forte.

Com um verão extremamente seco e sem La Niña, a tendência é que nos próximos meses, inclusive no outono - ao menos até o fim do primeiro semestre, o quadro de neutralidade se mantenha na região, com poucas chuvas. A 'barreira de previsibilidade', prevista entre março e junho, também pode ser um complicador.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.