Publicidade
Notícias | Gravataí Economia

Após cinco meses, sistemistas retomam trabalho no complexo da GM em Gravataí

Indústrias que fornecem materiais à montadora voltaram a atuar nesta semana

Publicado em: 10.08.2021 às 14:02 Última atualização: 10.08.2021 às 15:32

O complexo da General Motors (GM) em Gravataí voltou a estar movimentado nesta semana após cinco meses de paralisação. As sistemistas, que são as indústrias que fornecem materiais à montadora, retomaram os trabalhos na segunda-feira (9) com atividades que incluem também treinamento para os funcionários.

Após cinco meses, sistemistas retomam trabalho no complexo da GM, em Gravataí Foto: GM/ Divulgação

Já a montadora prepara seu retorno para a próxima segunda-feira (16). O Sindicato dos Metalúrgicos de Gravataí projeta que, até semana que vem, aproximadamente 1,3 mil funcionários da GM e outros 1,2 mil trabalhadores das sistemistas voltem às atividades. 

A fábrica parou em março deste ano por falta de componentes eletrônicos no mercado (semicondutores), o que afetou, consequentemente, toda a produção de carros. O tempo de espera, devido à falta de peças, acabou derrubando as vendas do Chevrolet Onix, produzido na unidade gaúcha, que vinha sendo líder na sua categoria. Algumas concessionárias esperam por esse e outros modelos há aproximadamente seis meses.

Problema global

O problema de falta de chips é global em razão da suspensão de pedidos das montadoras em meio à pandemia em 2020. Várias fábricas pararam na Europa, Estados Unidos, América Latina e Ásia. Conforme a própria GM, a cadeia de suprimentos da indústria automotiva foi impactada pelas paradas de produção no último ano somadas à recuperação do mercado mais rápida que o esperado.

TAGS: gravataí Onix
Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.