Publicidade
Notícias | Especial Coronavírus Mapa

Mais uma semana de bandeira vermelha em Canoas

29ª rodada do mapa de Distanciamento Controlado foi confirmada nesta segunda-feira (23) e Canoas segue classificada em risco alto

Por Shállon Teobaldo
Publicado em: 23.11.2020 às 17:25

Teste rápido identifica em minutos o coronavírus Foto: PAULO PIRES/GES
Pela segunda semana consecutiva, Canoas foi confirmada em bandeira vermelha pelo mapa de Distanciamento Controlado do Governo do Rio Grande do Sul. A versão oficial da 29ª rodada foi divulgada nesta segunda-feira (23) e deixou o município em classificação de risco alto, que é medido pela quantidade de casos em relação a disponibilidade de atendimento de saúde na cidade. A bandeira vale até às 23h59 da próxima segunda.

A Prefeitura de Canoas não enviou pedido de reconsideração da bandeira, para voltar à laranja, onde permaneceu por dois meses seguidos. Entretanto, por ter adotado os protocolos alternativos liberados pelo Governo Estadual, a cidade pode continuar administrando algumas atividades como se estivesse na classificação de risco médio.

Por exemplo, a bandeira vermelha não altera as permissões de funcionamento do comércio, mas as medidas de higiene e segurança - uso de máscara, álcool gel e distanciamento - seguem valendo. O único setor afetado é o da educação, pois as aulas presenciais ficam suspensas com duas rodadas consecutivas de risco alto no município.

No acumulado da semana, foram 90 internações em leitos clínicos de casos confirmados, enquanto nos sete dias da semana anterior foram 58 pacientes em Canoas. A ocupação de leitos de UTI por conta da Covid-19 também subiu: eram 37 e agora são 42 pessoas exigindo cuidados intensivos.

Conforme o último boletim epidemiológico, divulgado no dia 16 de novembro, a cidade tem 10.671 casos confirmados de coronavírus, dos quais 9.287 estão recuperados. 340 pessoas já perderam a vida em decorrência da doença e 89% dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) destinados à pacientes com Covid-19 estão ocupados, enquanto dos 100 leitos normais, 78% estão em uso.

As regiões com maior número de novas hospitalizações nos últimos 7 dias, por local de residência do paciente, são Porto Alegre (269), Caxias (137), Novo Hamburgo (97) , Canoas (90) e Passo Fundo (85).

Testagem

A Prefeitura de Canoas está fazendo testagem em massa de 70 mil idosos no município para detectar o vírus. A ação tem objetivo preventivo e agentes de saúde da cidade vão de casa em casa para que os mais velhos, que são do grupo de risco, não precisem sair de casa.
Em caso de sintomas como febre, cansaço, tosse e outros gripais, a indicação é que a pessoa procure sua Unidade Básica de Saúde (UBS) ou a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) para verificar se está com Covid-19.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.