Publicidade
Botão de Assistente virtual
Notícias | Especial Coronavírus Ajudinha

Cartilha orienta como famílias devem agir com pessoas com Covid em casa

Informações foram elaboradas pela Secretaria de Saúde de Riozinho

Publicado em: 12.08.2020 às 03:00 Última atualização: 12.08.2020 às 10:40

Prefeitura de Riozinho criou cartilha para a população Foto: Divulgação
A Secretaria de Saúde de Riozinho elaborou uma cartilha para orientar moradores que por ventura tenham familiar com Covid-19. As orientações são para que os familiares conheçam os procedimentos para atender o paciente, mantendo o isolamento domiciliar de forma segura. As medidas são importantes para se proteger, proteger as demais pessoas da família e a comunidade.

"Não basta só ficar em casa: para combater o coronavírus no isolamento, é preciso seguir algumas orientações." Começa assim o rol de informações, que segue orientando a não receber visitas e limitar o número de pessoas com acesso ao paciente isolado. Outra dica importante é usar máscara o tempo todo e mante distância mínima de 2 metros do paciente isolado.

Para os casos de salas compartilhadas ou casas com apenas um cômodo, pessoas infectadas e pessoas sem a doença não podem compartilhar o mesmo sofá ou colchão, enquanto o banheiro precisa ser desinfetado toda vez que for usado pelo infectado.

A cartilha do município acrescenta que, para limpar a casa ou cozinhar, o paciente em isolamento deve usar máscara e higienizar muito bem as mãos; e detalha para que a higiene seja feita com sabão, por, pelo menos, 20 segundos. "Isso é especialmente importante depois de assoar o nariz, tossir ou espirrar, idas ao banheiro e antes de comer ou preparar a comida."

A lista de cuidados seguros também prevê que o cômodo com o paciente isolado deve ficar todo o tempo com a porta fechada, mas é necessário manter as janelas abertas para ventilação e entrada de luz solar. Os itens de higiene devem ser de uso individual, como toalhas, de banho e rosto, sabonete, assim como talheres, pratos e copos.

Identifique sinais para ir ao médico

O familiar também precisa tomar cuidados próprios. Enquanto o infectado tem que descansar e manter-se hidratado, sintomas devem ser monitorados e procurar o hospital imediatamente em casos de febre que não cede com medicação, dificuldade respiratória, extremidades e lábios com cor escura. O descumprimento das medidas acarretará a responsabilização.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.