Publicidade
Botão de Assistente virtual
Notícias | Canoas Transporte

Sogal terá 45 dias para retomar 28 linhas

Em 2019, a empresa oferecia 137. Em outubro de 2021, apenas 59 linhas de ônibus convencional

Publicado em: 29.12.2021 às 03:00 Última atualização: 29.12.2021 às 07:51

A Prefeitura de Canoas deu um prazo de 45 dias (a contar do último dia 13) para que a Sogal restabeleça 28 linhas de ônibus que foram retiradas durante a pandemia. O ofício foi entregue à empresa no último dia 13 de dezembro. A cobrança foi reforçada no dia seguinte pela Junta Financeira e Administrativa, que avalia as contas da concessionária.

Movimento é visivelmente maior nas paradas
Movimento é visivelmente maior nas paradas Foto: PAULO PIRES/GES
A exigência foi feita após diagnóstico da Secretaria de Transportes e Mobilidade (SMTM) apontar que houve uma redução drástica de linhas nos dois últimos anos. A comparação foi possível considerando o mês de outubro deste ano, quando a maioria das atividades econômicas foram normalizadas, com o mesmo mês de 2019, antes da pandemia. Mas esbarra na falta de estrutura da empresa, com falta de veículos para atender a demanda.

A constatação foi que em outubro de 2019, a empresa oferecia 137 linhas. Em outubro de 2021, apenas 59 linhas do transporte convencional foram mantidas para atender uma população de 350 mil habitantes.

O diagnóstico e a revisão de linhas integra o Plano de Recuperação do Transporte. A proposta lista 11 ações que visam construir uma política pública para o setor e evitar o colapso do sistema, deixando a população desassistida.

A análise técnica feita pela Secretaria observou as linhas em cada um dos quatro quadrantes da cidade e assim evidenciou viagens previstas que não foram realizadas pela empresa, denominados "furos de viagem", quando a linha não circula como o previsto. Além da análise no déficit, a Prefeitura intensificou as ações de fiscalização e cobra a retomada do serviço.

O diagnóstico das linhas é o ponto 7, dos 11 elencados no Plano de Reestruturação do Transporte. Além deste, estão outros já implementados como o Oportunidade Canoense e a criação da Junta Administrativa e Financeira, composta por membros da SMTM e da empresa. Outras estão sendo finalizadas, como o financiamento das gratuidades e o meio passe estudantil.

A Sogal opera em Canoas há 58 anos e possui dois contratos para o transporte, sendo um urbano convencional e outro seletivo. A licitação do seletivo está em fase final de estudo.

Gratuidades para 2022

A Prefeitura de Canoas vai manter e custear o transporte coletivo para idosos entre 60 e 64 anos, pessoas com deficiência e acompanhante e portadores de HIV. Para evitar abusos e garantir o auxílio para quem mais precisa, a partir de 1º de janeiro de 2022, entram em vigor novas regras para a concessão. Inscritos no CADÚnico que recebam até 3 salários mínimos terão direito a 20 passagens por mês, limitadas a 4 por dia. Para avaliar casos excepcionais, que utilizem uma quantidade superior ao estipulado, será criada uma Comissão Gestora das Gratuidades.

Estas gratuidades serão pagas pela Prefeitura, de acordo com o número de passagens utilizadas no mês anterior, verificadas pelo sistema de bilhetagem eletrônica. A partir de março, será feito um recadastramento para a confecção de um novo cartão.

Hoje, o custo do sistema, incluindo as gratuidades, é dividido pelos que pagam a passagem. Isto faz com que a tarifa fique mais cara. A média de utilização das gratuidades dos últimos 10 anos é de 26%. Ou seja, a cada 10 passageiros, quase 3 não pagam a passagem.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.