Publicidade
Acompanhe:
Esportes Seleção brasileira

Messi faz Tite perder o sono antes de amistoso

Sem poder contar com Neymar, Brasil encara a Argentina nesta sexta-feira na Arábia Saudita e quer encerrar sequência negativa de quatro jogos sem conseguir vencer

Última atualização: 14.11.2019 às 18:45

Técnico Tite faz mistério sobre a escalação do Brasil para o clássico Foto: Lucas Figueiredo/CBF
Após fechar mais um treino da seleção brasileira antes do amistoso das 14 horas (de Brasília) desta sexta-feira (15), contra a Argentina, na Arábia Saudita, o técnico Tite admitiu que enfrentar Lionel Messi o fará perder o sono. E com a equipe nacional vindo de uma sequência de quatro partidas sem vitórias, o treinador também se negou a confirmar a formação titular para o confronto diante do tradicional rival.

Ao comentar, em entrevista coletiva nesta quinta (14), como será reencontrar Messi, que no início de julho atuou contra os brasileiros e foi derrotado por 2 a 0 junto com a Argentina, no Mineirão, em Belo Horizonte, pela semifinal da Copa América, o comandante reconheceu: "continuo sem dormir direito para neutralizar um jogador com capacidade extraordinária". Tite revelou que aposta no coletivo da seleção para anular o atacante. "Ele é um jogador diferente, tem qualidades técnicas impressionantes. Mas a gente nunca neutraliza um jogador assim, diminuímos as virtudes. Um coletivo forte vai potencializar um Coutinho, Firmino, Willian, assim como Otamendi, Aguero... Estamos tratando de Messi. Ele é um jogador diferenciado", afirmou.

Sem Neymar, lesionado, a seleção deve ter: Alisson; Danilo, Thiago Silva, Marquinhos e Alex Sandro; Casemiro, Arthur e Coutinho; Gabriel Jesus, Willian e Firmino. A Argentina: Andrada; Foyth, Pezzella, Otamendi e Tagliafico; De Paul, Paredes e Lo Celso; Messi, Lautaro Martínez e Agüero.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.