Publicidade
Botão de Assistente virtual
Cotidiano | Gente É CAMPEÃO!

Dênis Braatz, sanfoneiro e cantor de Sapiranga, vence concurso nacional de música

Em São Paulo, ele conquistou o Show de Talentos Santander, voltado para os funcionários do banco

Por Jauri Belmonte
Publicado em: 22.10.2021 às 10:31 Última atualização: 22.10.2021 às 11:11

Uma apresentação de 2 minutos e 50 segundos, com um medley musical que trouxe sucessos nacionais. Foi assim que o Dênis Braatz, 29 anos, sanfoneiro e cantor natural de Sapiranga, sagrou-se campeão da quarta edição do Show de Talentos Santander - O futuro é agora. A final foi disputada na noite de quinta-feira (21), no Teatro Santander, em São Paulo, e o músico da região concorreu com outros nove finalistas.

Braatz, que era o único representante da região Sul do Brasil, passou a semana na capital paulista até o dia da apresentação. No repertório, ele apresentou o composto com as músicas Barquinho, de Michel Teló; Brasileira, do Grupo Tradição; Festa, de Ivete Sangalo; e Tempos Modernos, de Lulu Santos. 

O sanfoneiro foi o último a se apresentar. A composição dos votos passou pela avaliação dos jurados (60%) e outros 40% do público. "Foi muita adrenalina. Estou muito feliz. Essa conquista não é só minha, mas, sim, de todos que me ajudaram, se mobilizaram e votaram para que eu ganhasse. Muito obrigado a todos que estiveram comigo do início até aqui", disse após a conquista.

O evento, transmitido pelo Youtube, foi apresentado pelo ator Robson Nunes. Os jurados da final foram a atriz Samantha Schmütz; o cantor Thiaguinho; Paulo Borges, idealizador e diretor criativo do São Paulo Fashion Week; Paula Bellizia, executiva que comanda o Google na América Latina. A condução e direção artística foi de Fernanda Chamma, diretora artística e produtora. 

A música na vida

A relação de Braatz com a música iniciou na infância, quando ele tinha 8 anos, na comunidade vinculada à Igreja Luterana de Sapiranga. "Tudo isso foi por influência do meu pai, que não é músico, mas sempre teve esse sonho. Aos 12 anos, comecei a trabalhar fazendo shows pelo Vale do Sinos. Depois fiz parte da banda Flor da Serra, tocando sanfona. Em 2016 saí da banda e toquei carreira solo e, paralelo a isso, trabalhavaem uma empresa consertando acordeon", conta.

 

Crise na pandemia

A pandemia da Covid-19 chegou e, como para muita gente, ela também afetou a vida do artista. Os problemas sanitários desencadearam restrições e uma delas foi o cancelamento de os shows e apresentações noturnas.

Se não bastasse isso, o desemprego aumento em esfera nacional e com Braatz não foi diferente. Por contenção de custos, a empresa precisou desligá-lo. "Fiquei sem renda e precisei buscar uma alternativa. Comecei a trabalhar em dezembro do ano passado na SX e, até hoje, sou muito grato ao Santander pela oportunidade e o incentivo para o crescimento."

 

 

Em cima da hora

O cantor quase não participou do Show de Talentos. Mas incentivado por colegas e amigos, ele decidiu se inscrever mostrando sua performance na sanfona e dessa forma acabou chegando à final. "As inscrições se encerravam às 23h59. Fiz minha inscrição às 23h30", lembra.

 

 

O futuro

A ideia é continuar na SX e, ao mesmo tempo, seguir fazendo o que ama: mostrar o seu talento na música. "Quero seguir fazendo meus shows na região e, também, dar o meu melhor na empresa. Sou muito grato às oportunidades."

Confira na íntegra a final

 

 

 
 
 
View this post on Instagram
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Dênis Braatz (@denisbraatz)


Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.