Publicidade
Cotidiano | ABC Pra Você | Motores Impressões ao dirigir

RS, o irmão tunado do Onix

Versão com visual esportivo tem bom desempenho e ainda por cima consome pouco

Por Adair Santos
Publicado em: 25.06.2021 às 06:00

Em tempos de escassez de chips, é realmente um privilégio poder levar para passear o Onix e seus mil semicondutores - número que corresponde ao dobro de concorrentes, garante a Chevrolet. É claro que, diante de tamanha ostentação, motoristas de outros modelos torceram o nariz no trânsito. A versão testada, a RS, tem visual tunado de fábrica, custando R$ 83,45 mil.

Chevrolet Onix RS

Ao contrário do que poderiam supor os mais bairristas, a sigla RS não é abreviatura de Rio Grande do Sul, nem Racing Sport. Significa Rally Sport e estreou em 1967, no esportivo raiz Camaro. Tanto no Onix RS quanto nas demais versões, os semicondutores estão espalhados por todos os lados, desde motor e transmissão automática, passando por sistemas de segurança e também pelo multimídia MyLink, que revolucionou o mercado quando foi lançado, em 2012.

Assim como no Camaro RS de 1967, o Onix RS não anda mais rápido que as suas outras versões turbo. Porém, o resultado do trabalho de tunagem feito pela engenharia da montadora é caprichado - esportivo, mas sem ser espalhafatoso.

Ao volante, o hatch agrada pela suspensão equilibrada, voltada ao conforto, e pelo bom desempenho do 1.0 de três cilindros. São 116 cv com álcool ou gasolina - tanto faz -, potência que chega aos 5.500 giros. Já o torque de 16,3 kgfm com gasolina e 16,8 kgfm com álcool está disponível mais cedo, a apenas 2.000 rpm. Isso significa que não é necessário acelerar muito para o carro acelerar rapidamente.

Quando provocado com o pé no fundo, mostra a que veio, comprovando o temperamento típico de um motor turbo, com retomadas fortes. Conforme a montadora, a versão acelera de 0 a 100 km/h em 10,1 s com álcool e 10,2 s com gasolina. Esse tempo é equivalente ao de um carro 2.0 aspirado. Já a transmissão automática de seis marchas tem ótima calibragem e caracteriza-se pela suavidade.

Outro ponto positivo é a economia. A Chevrolet diz que o modelo faz, com gasolina, 12 km/l na cidade e 14,4 km/l na estrada, mas durante o teste surpreendeu positivamente, chegando facilmente aos 16 km/l na estrada. E isso tudo ao natural, andando no fluxo normal da RS-239 e da BR-116, sem precisar cuidar muito a cada acelerada.

Em resumo: mesmo que as preparações fiquem restritas ao visual, o RS é uma boa opção para quem pretende se diferenciar na multidão. Por um preço honesto, traz bom desempenho que, no entanto, não penaliza o bolso com alto consumo de combustível.

Detalhes em preto: retrovisor e até a gravata da Chevrolet

Desde o aerofólio e as rodas até os logotipos escurecidos, tudo no Onix RS é caprichado.

A dianteira traz uma nova grade tipo colmeia, spoilers mais pronunciados esculpidos nas extremidades do para-choque e um conjunto luminoso composto por faróis tipo projetor com máscara negra e luz DRL com moldura em preto brilhante, além do emblema RS e da gravata Chevrolet "black bow tie".

Na lateral, destacam-se os retrovisores pintados em preto metálico, combinando com a saia lateral na cor da carroceria, que faz o carro parecer mais próximo do solo.

O teto pintado com tinta metálica preta combina mesmo quando a cor da carroceria é em vermelho Carmim ou preto Ouro Negro. Porém, é na cor branco Summit que proporciona maior contraste.

Rodas aro 16" e pneus 195/55

A Ford lançou ontem o seu serviço de carros por assinatura. O Ford GO é uma nova opção para os consumidores que querem andar de carro novo todo ano pagando uma mensalidade fixa, sem ter que se preocupar com IPVA, custo de manutenção, seguro, documentação ou negociação do usado. A plataforma é apresentada em um videocast, que traz um bate-papo com especialistas do mercado sobre inovação, tendências e novos hábitos de consumo.

Com o lema "Você dirige, a Ford cuida", o GO é o único entre as montadoras a oferecer uma experiência 100% digital, em que todo o processo, desde a contratação até o dia a dia durante o período da assinatura pode ser feito pelo site www.fordgo.com.br, a qualquer hora e em qualquer lugar. Mas, se preferir, o interessado também pode solicitar a ajuda de um vendedor ou ir a uma concessionária.

"Acreditamos que o consumidor tem de ter liberdade de movimento para perseguir os seus sonhos. Com o Ford GO, damos mais uma opção para ele escolher o modelo que melhor atende as suas necessidades de mobilidade", diz o gerente de Mobilidade e Novos Negócios da empresa, Luciano Driemeier.

Carro reserva

Uma das vantagens do serviço é que todos os veículos são conectados com o sistema FordPass e, se o consumidor quiser, já vêm com o adesivo de pedágio e estacionamento da Veloe sem custo adicional. Outra vantagem é a disponibilidade de carro reserva em caso de necessidade, garantindo tranquilidade em todo o período do contrato.

Antes de lançar o serviço, a montadora fez pesquisas e identificou os pontos principais que os consumidores buscam em um programa deste tipo. São eles: inovação, conveniência e segurança, com uma experiência 100% digital.

O programa foi desenvolvido com base nesses pilares para atender a consumidores que têm uma vida ativa e querem conforto, praticidade e segurança; os seguidores de tendências, ligados em inovação, e os planejadores financeiros, que buscam as melhores oportunidades de aplicação de capital.

Saídas de ar e detalhes em vermelho

O interior é basicamente o mesmo das demais versões turbo, com pequenas diferenças, como as saídas de ar com molduras em vermelho acetinado, que combinam com o grafismo do quadro de instrumentos projetado especialmente para o RS. Os ponteiros são iluminados em LED.

Também é o único da linha a trazer cabine com revestimento de teto e colunas escurecidos.

As costuras pespontadas da forração premium do volante de base reta são iguais às que decoram os bancos inteiriços envolventes, inspirados em carros de competição com padronagem RS.

Espaço para quem vai atrás é adequado.

Assistente de partida em aclive

De fábrica, Onix RS também traz:

? Sistema de áudio com seis alto-falantes

? Ar-condicionado

? Direção com assistência elétrica

? Travas e vidros elétricos com controle remoto na chave

? Sensor de estacionamento traseiro

? Computado de bordo

? Controlador de limite de velocidade

? Regulagem de altura do banco e cinto de segurança do motorista

? Regulagem de altura e profundidade para o volante

? Air bag duplo frontal, duplo lateral e duplo de cortina

? Freios ABS com sistema de distribuição de frenagem e assistência de frenagem de urgência

? Controle eletrônico de estabilidade e tração

? Assistente de partida em aclive

MyLink de 8"

O MyLink do Onix RS conta com uma tela maior, de 8". Sistema é compatível com Android Auto e Apple Car Play. Pelo preço do carro, a Chevrolet também poderia ter colocado câmera de ré.

Aerofólio "flutuante"

O aerofólio traseiro é um dos destaques do modelo, responsável pelo visual esportivo. Da maneira como foi projetado, parece "flutuar" sobre a tampa do porta malas.

Traseira também traz o spoiler integrado ao para-choque e, assim como na dianteira, o emblema com o nome do veículo tem acabamento escurecido.


Fatal error: require(): Failed opening required 'includes/2019/paginas/materias/assinenewsletter.php' (include_path='.:/usr/share/pear:/usr/share/php') in /sites/hosts/diariodecanoas.com.br/_templates/2019/materia_abc_pra_voce.php on line 116

Mensagem

Erro: require(): Failed opening required 'includes/2019/paginas/materias/assinenewsletter.php' (include_path='.:/usr/share/pear:/usr/share/php')
Arquivo /sites/hosts/diariodecanoas.com.br/_templates/2019/materia_abc_pra_voce.php na linha 116