Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Domingos Martins, 400 - Centro - Canoas/RS - CEP: 92010-170
Fones: (51) 3462.7000 - Fax: (51) 3462.7007

PUBLICIDADE
Visita

Segurança pública pauta agenda do governador Eduardo Leite no litoral

Governador e vice visitaram praias e anunciaram investimentos na área
11/02/2019 03:00 11/02/2019 08:59

Foto por: Gustavo Mansur/Palacio Piratini
Descrição da foto: Imbé: governador e vice conferiram trabalho dos bombeiros
Dentro do processo de aproximação com os municípios, o governador Eduardo Leite cumpriu, na última sexta-feira, uma série de agendas por algumas das praias mais visitadas pelos gaúchos. Ao passar por Tramandaí, Imbé, Xangri-lá e Capão da Canoa, no litoral norte, acompanhado do vice-governador e secretário da Segurança Pública e de Administração Penitenciária, Ranolfo Vieira Júnior, Leite conferiu projetos da área da segurança, principalmente vinculados à Operação Verão, e os respectivos resultados.

Leite anunciou medidas que estão sendo projetadas pelo governo para diminuir a sensação de insegurança da população. A principal delas, que deve ser lançada nas próximas semanas, envolve um programa estadual transversal de segurança pública, que integrará todas as secretarias e forças policiais, e pretende atrair investimentos para tecnologias e equipamentos. Além disso, na metade do ano, dois mil policiais devem ser incorporados à Brigada Militar (BM).

Em Capão da Canoa, o governador fez a entrega simbólica de 172 fuzis à BM. O investimento de R$ 1,4 milhão é fruto de convênios com o Departamento Estadual de Trânsito e representará um reforço para o policiamento ostensivo de 47 municípios, entre eles Osório e Capão da Canoa.

"Esse armamento vai potencializar a atuação dos policiais militares, deixando-os mais confiantes e valorizados e, com capacidade de fazer frente à criminalidade com que nos deparamos nas ruas, que está muito bem equipada", ressaltou o comandante-geral da Brigada, Mario Ikeda.


Foco na prevenção

O roteiro começou em Tramandaí com um almoço que reuniu delegados da Polícia Civil, bombeiros e prefeitos do litoral norte. Em seguida, a comitiva seguiu para Imbé, onde o governador se reuniu com integrantes da Operação Verão. Foram divulgados dados que revelam que o número de salvamentos da edição 2018/2019 da força-tarefa é quase 50% menor do que a média histórica: foram 447 resgates até o dia 3. Nos últimos cinco anos, a média era de 888.

Conforme o comandante do Corpo de Bombeiros, coronel César Eduardo Bonfanti, isso se deve a um redirecionamento do trabalho dos resgatistas, que mudaram o nome de salva-vidas para guarda-vidas. "Passamos a focar o trabalho mais na prevenção do que no resgate, isso com uso do apito, de trabalhos educativos e de aproximação maior com os veranistas", resumiu Bonfanti. O governador ainda visitou a Delegacia de Polícia de Imbé e a Escola de Aviação da Brigada Militar, em Xangri-lá.

Diário de Canoas
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS