Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Domingos Martins, 400 - Centro - Canoas/RS - CEP: 92010-170
Fones: (51) 3462.7000 - Fax: (51) 3462.7007

PUBLICIDADE
Polícia

Lata de Nesquik entrega suspeito à Polícia Civil

Uma lata de alimento em pó, que fazia parte de uma carga roubada, acabou denunciando um criminoso
11/07/2018 19:56 11/07/2018 19:56

DIVULGAÇÃO/POLÍCIA CIVIL
Carga recuperada em Sapucaia do Sul
Agentes da Delegacia de Repressão ao Roubo e Furto de Cargas (DRFC), do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic) cumpriram ordens judiciais de busca e apreensão e conseguiram capturar dois suspeitos em Sapucaia, na manhã desta quarta-feira. Uma lata de alimento em pó para preparo de leite, que fazia parte de uma carga roubada, acabou denunciando um criminoso à polícia. 

O roubo de uma carga de embalagens de café solúvel, em dezembro de 2017, levou a DRFC a instaurar inquérito policial para apurar o crime. As investigações revelaram que o motorista do caminhão, suposta vítima do assalto, havia mentido aos policiais sobre as circunstâncias do roubo da carga. Caminhoneiros aliciados pelos criminosos, como este, mentam sobre o suposto assalto e entregam as cargas – pelo que recebem parte do valor do roubo. Com isso, os criminosos correm menos riscos e diminuem custos.

No caso do roubo envolvendo este motorista, Polícia Civil obteve e analisou imagens de câmeras que mostravam o caminhoneiro colaborando com um dos ladrões, em local diferente de onde ele afirmava estar. Os outros envolvidos na ação também foram identificados – um deles já possuí antecedentes por crimes como homicídio, receptação e roubo de veículo (já com condenações por alguns destes). Este ladrão, certo da impunidade, inclusive tirou uma "selfie" com a carga roubada. Parte da carga, juntamente com a carreta, foi recuperada poucos dias após o fato.

Segundo o titular da Especializada, delegado Alexandre Fleck, além das prisões desta quarta, mais um suspeito já foi detido anteriormente, e por este motivo os nomes dos presos não foram divulgados. 

Esta ação deflagrou, em abril deste ano, a Operação Duas Caras, que resultou na apreensão do restante da carga roubada e objetos que interessavam à investigação,além da prisão em flagrante por receptação.

A operação prosseguiu nesta quarta-feira com o cumprimento de novas ordens judiciais. Em um dos locais, policiais civis localizaram uma lata de Nesquik do mesmo lote da carga roubada e investigada. Nesta casa, os agentes da DRFC encontraram a mãe de um dos investigados, um dos principais envolvidos em esquemas de roubo de cargas no Estado, atualmente preso. Em outro local alvo das buscas, flagrou-se um suspeito na posse de uma caixa de pacotes de café solúvel, também roubada, e que também foi preso em flagrante.

Para o delegado Fleck, "o fato de ainda ser possível encontrar objetos oriundos da carga, mesmo após tanto tempo e após a Operação Duas Caras, demonstra o grande volume de objetos subtraídos, e corrobora todas as informações obtidas no Inquérito Policial".


Diário de Canoas
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS