Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Domingos Martins, 400 - Centro - Canoas/RS - CEP: 92010-170
Fones: (51) 3462.7000 - Fax: (51) 3462.7007

PUBLICIDADE
Tricolor

Voltou o gol e a vitória na Arena

Grêmio venceu o América-MG por 1 a 0
10/06/2018 19:17 10/06/2018 19:17

Lucas Uebel/Grêmio
Everton comemora gol que deu a vitória ao Tricolor
Efetividade, bola na rede, vitória. O que faltou para o Grêmio nas últimas rodadas do Brasileirão reapareceu neste domingo, na Arena, no triunfo por 1 a 0 diante do América-MG. Resultado que o fez pular dos 16 para os 19 pontos e o quarto lugar na tabela do Brasileirão. Mas, dentro de campo, as velhas dificuldades gremistas para furar os bloqueios impostos pelos adversários ficaram nítidas desde o início da partida. Com os mineiros marcando sempre atrás da linha da bola, o Grêmio sofria na articulação e só foi abrir o placar em um lance isolado, mas de alta plasticidade.

Aos 31min, Cícero meteu um lançamento de 60 metros para Everton, que entrou por trás da zaga, matou no peito e teve tempo de dar um toque e tirar Jori, fazendo seu nono gol na temporada. Na segunda etapa, o jogo ficou um pouco mais aberto para o Tricolor, com o Coelho saindo da toca e quase empatando aos 3min, em conclusão de Gérson Magrão que Grohe espalmou. O Grêmio devolveu aos 10min. Luan cobrou falta da direita e Cícero, no segundo pau, testou rente ao poste direito.

Passando a administrar o placar, o Tricolor quase foi surpreendido aos 45min. Rafael Moura cabeceou com violência e Grohe voltou a brilhar. No final, valeu pelo resultado, a volta da efetividade em casa e o retorno ao G6.

Quarto lugar

Reforçando que o propósito é se manter na ponta de cima da tabela, o técnico Renato Portaluppi exaltou a jogada que resultou no gol da vitória gremista. “Nunca vou proibir o meu time da bola longa e velocidade, por isso insistimos nessa jogada”. Quanto ao jejum de gols de André, que passou dos 500 minutos, minimizou. “Todo grande jogador passa por fase de não fazer gols. Daqui a pouco a bola vai entrar”, assegurou. Sobre o futebol gremista ter perdido em qualidade, lembrou da ausência de jogadores por lesão e que a parada da Copa servirá para recuperar o grupo. “Mesmo com as ausências somos quarto no Brasileiro. É isso que importa”, assinalou.

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Léo Moura, Bressan, Kannemann e Bruno Cortez; Arthur, Cícero, Lima (Thaciano), Luan (Kaio) e Everton; André (Jael) Técnico: Renato Gaúcho.

AMÉRICA-MG: Jori; Aderlan, Matheus Ferraz, Messias e Giovanni (Rafael Moura); Juninho, Christian, Serginho, Gérson Magrão e Ademir (Marquinhos); Aylon (Wesley) Técnico: Enderson Moreira.


Diário de Canoas
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS