Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Domingos Martins, 400 - Centro - Canoas/RS - CEP: 92010-170
Fones: (51) 3462.7000 - Fax: (51) 3462.7007

PUBLICIDADE
Segurança pública

Canoas acorda com mais 30 PMs para reforçar atuação nas ruas

Reforço no efetivo é definitivo e passa a valer desde esta terça-feira
15/05/2018 11:11 15/05/2018 11:12

Cedinho, na manhã desta terça-feira, quando estudantes e trabalhadores canoenses saírem de suas casas para esperar nas estações da trensurb e nos pontos de ônibus a condução que os levará para a escola ou para o trabalho, terão mais companhia.

Serão 30 policiais militares a mais, que já estão aptos a se juntar a centenas de outros brigadianos no policiamento ostensivo da cidade. Para quem recebe a notícia, o número parece pequeno, mas quem é responsável pela novidade garante que dá para fazer muito com o aumento no efetivo. "Estes 30 soldados concluíram seu treinamento, estão aptos a trabalhar, chegam em definitivo para aumentar nosso contingente, e o melhor é que, de acordo com a colocação que conseguiram nas provas, escolheram a base em que querem ficar. E querem trabalhar em Canoas", conta o comandante do 15º Batalhão da Polícia Militar (15º BPM), tenente-coronel Valdeci Antunes, saudando a boa nova para a comunidade canoense.

"Os soldados estão todos muito motivados. Muitos deles cumpriram estágio aqui em Canoas e inclusive já participaram de algumas detenções e prisões. Atuarão em moldes parecidos com os do estágio, a pé e divididos em grupos. Pretendemos tê-los nas ruas em turnos diferentes e em escalas que deverão variar, mas que devem cobrir o horário entre 8 horas e 22 horas", esclarece o capitão Fábio Bilhar. O tenente-coronel Antunes também adianta que os PMs atuarão em pontos selecionados e em sistema de rodízio. Por razões estratégicas, a Brigada Militar não revela onde os soldados atuarão. "Trabalharão agrupados, para dar visibilidade. E outro aspecto importante é que este pessoal já tem entrosamento, por ter atuado junto durante a época do estágio", diz o comandante. 

O comandante frisa que o 15º BPM tem alojamento para oferecer a todos os novos brigadianos, mas comenta que isso talvez nem seja necessário, pelo caráter definitivo dos PMs recentemente incorporados. "Como eles vêm para ficar e muitos têm família, o alojamento serve mais em caráter provisório, até o policial militar conseguir um lar para a família. Muitos já têm filhos e por isso procurar uma moradia definitiva. É bom porque assim o PM vai criando vínculos com a comunidade para a qual virá a trabalhar", enfatiza. Segundo o capitão Bilhar, metade dos brigadianos que trabalharão aqui vêm de fora da Região Metropolitana, e aproximadamente 80% retornará à cidade depois de ter cumprido o estágio no 15º BPM: "Eles gostaram da cidade, gostaram da estrutura que encontraram aqui". Depois de um mês de treinamento, os soldados retornaram a Canoas, e nesta terça, assistiram à última aula antes de enfrentar as ruas.

"Podem ter certeza de que estes 30 PMs, um número que pode parecer pouco, será muito bem recebido aqui no Batalhão e também pela comunidade", concluiu o comandante.Aula para novos PMs de Canoas  



Diário de Canoas
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS