Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Domingos Martins, 400 - Centro - Canoas/RS - CEP: 92010-170
Fones: (51) 3462.7000 - Fax: (51) 3462.7007

PUBLICIDADE
Segurança pública

Canoas cobra governo do Estado sobre Pecan

Providências dizem respeito à segurança na Penitenciária Estadual
13/03/2018 14:59 13/03/2018 14:59


Divulgação
Complexo fica no bairro Guajuviras
A Prefeitura de Canoas encaminhou ofício ao governo do Estado cobrando providências relativas à Penitenciária Estadual de Canoas (Pecan). O Município notificou o Piratini sobre pendências no convênio firmado, como a não instalação, prevista no projeto, de bloqueadores de telefones celulares e a não criação de uma companhia da Brigada Militar para resguardar o entorno da Pecan sem a necessidade de retirar efetivo do 15º Batalhão de Polícia Militar.

"São medidas de extrema necessidade. Além disso, foram compromissos assumidos pelo Estado com o município de Canoas e com sua população", destacou o secretário municipal de Segurança Pública e Cidadania, Ranolfo Vieira Jr.

A prefeita em exercício, Gisele Uequed, destaca que a Pecan deve manter sua característica inicial de não conter detentos de facções nem presos de alta periculosidade. "Não podemos permitir que a Pecan se transforme em um novo Presídio Central. Precisamos ter a garantia de que o perfil dos apenados será, de fato, de presos de baixa periculosidade e sem ligação com grupos criminosos", ressaltou. Conforme Gisele, a penitenciária foi concebida para ser modelo e para ter a presença total do Estado. "A Pecan fica em perímetro urbano e não é murada. Por isso, precisa de todos os quesitos de controle", afirma.

O governo do Estado ainda não deu resposta à Prefeitura de Canoas. O Município deve enviar ofício também ao Ministério Público e ao Poder Judiciário. Os esforços da administração são para a total obediência dos itens do convênio, a fim de que a segurança para os canoenses esteja garantida.

As pendências notificadas

- Falta instalar efetivo da Brigada Militar responsável pela segurança da Penitenciária e de seu entorno, sem retirar soldados do efetivo do 15º BPM;
- Falta instalar bloqueadores de telefones celulares no interior da Penitenciária;
- Providências para garantir ocupação de cada módulo pelo perfil dos apenados, com triagem adequada;
- Providência para garantir número adequado de agentes penitenciários para atender a demanda do complexo;
- Providência para não permitir superlotação, observando o limite de cada módulo e infraestrutura;
- Manter o objetivo de recuperar os presos, proporcionando trabalho aos condenados.



Diário de Canoas
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS