Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Domingos Martins, 400 - Centro - Canoas/RS - CEP: 92010-170
Fones: (51) 3462.7000 - Fax: (51) 3462.7007

PUBLICIDADE
Brasileirão

Jogo para a gurizada do Grêmio colocar no currículo

Meninada tricolor mostra qualidade e personalidade, mas perde para o Atlético Mineiro em partida eletrizante
03/12/2017 21:44 03/12/2017 22:00

Thomás Santos/AGIF
Com um time formado por promessas da base, o Tricolor se despediu do Brasileirão com derrota nos minutos finais para os experientes jogadores do Galo
A garotada do Grêmio enfrentou o Atlético-MG no Horto, neste domingo, e não se intimidou. A derrota por 4 a 3 diante do Galo mostrou a personalidade da gurizada. Os torcedores gremistas viram boas promessas para serem aproveitadas em breve: o volante Machado, o meia Jean Pyerre, os atacantes Lucas Poletto e Pepê. Agora, que venha o Mundial para os mais tarimbados. O Tricolor viaja para os Emirados Árabes na quarta-feira (06/12), e estreia na competição no dia 12.

O resultado negativo não traduz o que foi o confronto e pode constar no curriculum vitae dos jovens tricolores pelo modo destemido como encararam o desafio. Outros jogadores que hoje são ídolos e tricampeões da América, como o volante Arthur e o atacante Luan, também eram desconhecidos no passado e receberam chances. Eles querem seguir os mesmos passos.

O técnico César Bueno repetiu o estilo de jogo que consagrou o clube nas últimas temporadas: marcação firme, ocupação de espaços, bom toque de bola e velocidade, tanto nos ataques quanto na recomposição.  

A partida foi eletrizante. A meninada do Tricolor comandou o escore três vezes. O Grêmio sacudia a rede e o Atlético-MG buscava o empate. Jean Pyerre abriu a contagem ainda no primeiro tempo. Depois, fez uma assistência milimétrica para Pepê marcar o dele.

O goleiro Bruno Grassi ainda fez duas defesas milagrosas, mas nada pôde fazer para evitar os gols de Elias e Otero antes do intervalo. O primeiro ficou pifado numa tabela com Fred. O segundo, numa fase iluminada, acertou uma bela cobrança de falta.

A etapa complementar não deixou por menos. Aos 15min, Pepê cruzou da direita e Batista – que substitiu Lucas Poletto – se atirou na bola para marcar o terceiro gol tricolor. Os atleticanos reagiram e buscaram a igualdade pela terceira vez com o goleador Fred.

Gustavo Blanco ainda foi expulso por falta sobre Pepê. Logo depois, faltou energia elétrica no Estádio Independência. Após o apagão, Otero acertou mais um chutaço e decretou a vitória atleticana.

ATLÉTICO-MG

Victor; Bremer (Rafael Moura), Leonardo Silva, Gabriel e Fábio Santos; Adilson (Bruno Blanco), Elias, Otero e Valdívia (Luan); Robinho e Fred. Técnico - Oswaldo de Oliveira.

GRÊMIO

Bruno Grassi; Felipe, Ruan (Ericson), Emanuel e Conrado; Balbino, Machado, Dionathã e Jean Pyerre (Matheuzinho); Lucas Poletto (Batista) e Pepê. Técnico - César Bueno.

DETALHES

Local - Estádio Independência, em Belo Horizonte. Arbitragem - Marcelo Aparecido de Souza, auxiliado por Anderson José de Moraes Coelho e Bruno Salgado Rizo (trio paulista).

AZUIS

O time feminino do Grêmio venceu o primeiro clássico Gre-Nal da final do Gauchão, no domingo, por 2 a 0, no Centro de Treinamentos (CT) Hélio Dourado, em Eldorado do Sul. A equipe tricolor é treinada pela hamburguense Patrícia Gusmão.

O segundo e decisivo duelo da decisão será no próximo sábado, às 17 horas, no Beira-Rio.


Diário de Canoas
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS