Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Rua Domingos Martins, 400 - Centro - Canoas/RS - CEP: 92010-170
Fones: (51) 3462.7000 - Fax: (51) 3462.7007

PUBLICIDADE
Conexões para o Futuro

Bela Gil fala sobre alimento como ferramenta transformadora

Apresentadora e chef de cozinha natural participou de palestra e oficina no Teatro Feevale

Gabriela da Silva/Gabriela da Silva/GES-Especial
Bela ressalta necessidade de mudanças culturais e da informação para uma boa alimentação

Os tipos de alimentos consumidos no dia a dia expressam também o tipo de mundo em que se deseja viver. Na noite deste sábado (19), a apresentadora e chef de cozinha natural Bela Gil subiu ao palco do Teatro Feevale para a palestra Mudando o mundo através da alimentação. "O alimento não pode fazer bem só para a saúde, mas para o meio ambiente e para quem está produzindo", destacou Bela, que foi a atração da primeira edição do projeto Conexões para o Futuro, realizado pela Universidade Feevale e Opus Promoções.

De um jeito simples e bem-humorado, a apresentadora dos programas Bela Cozinha e Vida + Bela, do canal a cabo GNT, falou ao público por cerca de uma 1h30 sobre sua trajetória e interesse por alimentação natural, enfatizando alternativas para adotar uma alimentação mais saudável no dia a dia. "Em primeiro lugar é preciso ter cuidado com a terra. Quando tu tem consciência de onde vem o alimento, não faz mal para a terra, porque sabe que depende dela para comer", destacou. 

A chef também abordou questões como os prejuízos das monoculturas para a biodiversidade e destacou a influência das pequenas escolhas de consumo diárias em um contexto global. "Se muda a maneira como a gente come, o campo muda também", disse. Bela falou, ainda, sobre os malefícios dos excessos à saúde. "O vilão da alimentação atual não é a gordura, mas o consumo excessivo de açúcar. Mas não condeno um alimento só. O problema está no consumo excessivo e desregulado", observou. 

Defendendo a ideia de que a comida é uma ferramenta de transformação, Bela ressaltou a necessidade de mudanças culturais e da informação para uma boa alimentação. "Se a gente prestar atenção no que come hoje, a gente muda o futuro da humanidade", afirmou. Para a apresentadora, se dedicar ao preparo de alimentos diariamente pode demandar mais tempo, mas optar por comidas naturais tem de ser uma questão de prioridade. "Cozinhar e cuidar da alimentação não é falta de tempo, é investimento de vida". Ao final da palestra, Bela ministrou uma oficina para 50 participantes, com a preparação de três receitas especiais. 

Próxima edição

O historiador Leandro Karnal é o convidado da próxima edição do Conexões para o Futuro. No dia 30 de novembro, ele ministrará a palestra Felicidade e liberdade: a busca por um mundo de significados reais no Teatro Feevale. Os ingressos já estão à venda no site www.ingressorapido.com.br


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS