Compartilhar...

VOLTAR
FECHAR

Rua Domingos Martins, 400 - Centro - Canoas/RS - CEP: 92010-170
Fones: (51) 3462.7000 - Fax: (51) 3462.7007

PUBLICIDADE
Saúde

Prefeitura administrará Hospital Universitário por mais 20 anos

Termo de Cessão de Uso do Hospital Universitário foi formalizado nesta segunda-feira
Foto: Arquivo/GES
A Prefeitura de Canoas poderá administrar o Hospital Universitário por mais 20 anos. O termo de cessão de uso do HU, foi formalizado pelo prefeito Jairo Jorge nesta segunda-feira (9), em cerimônia com a Superintendência de Patrimônio da União. “Esta assinatura nos dá o conforto em estabelecermos as parcerias necessárias para garantirmos a gestão do hospital”, destacou o prefeito Jairo Jorge. O hospital é referência para mais 140 cidades gaúchas. 
O prefeito Jairo Jorge lembrou que desde o início do processo houve empenho constante do Município para garantir o atendimento à população, “sempre dissemos que nunca fecharíamos o hospital”. O Município assumiu a administração do Hospital Universitário (HU), em 6 de janeiro de 2011, quando havia apenas sete pacientes internados. Antes disso, em 2009, o hospital havia fechado suas portas e reabriu 70 dias depois.
É uma honra manter esta parceria e auxiliar o Município de Canoas. Estamos muito felizes de presenciar e formalizar esta possibilidade”, ressaltou a superintendente de Patrimônio da União no Rio Grande do Sul, Rose Carla Silva Corrêa. O secretário municipal de Saúde, Marcelo Bósio, destacou o protagonismo do Município em manter o hospital aberto. ”Mantemos este patrimônio com mais de 500 leitos”.
A crise
Em 2008, a Universidade Luterana do Brasil enfrentou uma série crise financeira. Sem poder pagar os funcionários, acabou prejudicando as atividades da instituição, culminando, em maio de 2009, com o fechamento do Hospital Universitário. A casa de saúde reabriu um mês depois. No final de 2010, a Prefeitura de Canoas assumiu o atendimento e, em janeiro do ano seguinte, licitação selecionou o Hospital Mãe de Deus como gestor.
As negociações para o repasse do HU à União se iniciaram em setembro de 2012, com manifestação do Município sobre seu interesse em apresentar um inventário de bens com vistas à possível adjudicação. Em novembro do mesmo ano, a Procuradoria da Fazenda Nacional posicionou-se favorável ao procedimento, como forma de abater o valor dos bens da dívida da universidade, na época calculada em cerca de R$ 4 bilhões. A definição dos parâmetros para avaliação do imóvel e seus equipamentos ocorreu meses depois.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS