Jornais
FECHAR
  • Jornal NH
  • Jornal VS
  • Jornal de Gramado
  • Diário de Cachoeirinha
  • Correio de Gravataí
Grupo Sinos
Publicado em 16/06/2015 - 22h02
Última atualização em 17/06/2015 - 16h13

ParkShopping Canoas já tem 63% dos espaços locados

Inauguração do empreendimento será em abril de 2017

Tamires Souza - tamires.souza@gruposinos.com.br

ParkShopping Canoas tem inauguração prevista para abril de 2017
 
O shopping que promete ser referência em compras para municípios da região metropolitana e até para a capital já conta com 63% dos espaços locados. Das 258 lojas do ParkShopping Canoas quase todas as âncoras já estão confirmadas, como: Renner, Lojas Americanas, Riachuelo, Ri Happy, Paquetá Esportes e Forever 21, rede norte-americana de fast-fashion que hoje conta com uma única loja em Porto Alegre e 15 no Brasil. Na área de decoração de ambientes as lojas Camicado e Tok Stok também já garantiram presença no novo shopping.
 
O hipermercado será o Zaffari e, entre os restaurantes, já foi fechado com Outback SteakHouse, Galeto Mamma Mia e Petiskeira. As cinco salas de cinema do ParkShopping serão da UCI Cinemas, as primeiras da rede no Rio Grande do Sul. A academia, da Unique Fitness, terá 2.150 metros quadrados vai oferecer programas de treinamento para gestantes e idosos, com preços mais acessíveis, de acordo com a Multiplan.
 
A inauguração prevista para junho de 2016 foi transferida para abril de 2017. O momento econômico e atrasos na obra motivaram a alteração de data, de acordo com o diretor de Desenvolvimento Imobiliário da Multiplan, Pedro Côrtes. “Estamos vivendo um cenário político e econômico muito ruim. Muitos shoppings estão abrindo com baixa ocupação, por conta disso e dificuldades na obra mudamos a data”, explica Côrtes e aponta que a decisão foi tomada no final do ano passado.

Crescimento econômico e ganhos
 
Empreendimento foi apresentado para jornalistas na terça-feiraA mudança de cronograma do shopping já era conhecido, segundo o prefeito Jairo Jorge, que está otimista com o andamento da obra. “Estão com boa comercialização e dos projetos da empresa pelo Brasil cinco foram paralisados, mas o de Canoas, não”, comemora o prefeito que ressalta os ganhos para cidade, com a criação de três mil empregos indiretos e dois mil diretos. “Em um momento de crise esta foi uma posição arrojada e este será o maior shopping da região metropolitana”, acrescenta.

Para a arrecadação, o secretário municipal da Fazenda, Marcos Bósio, também destaca os ganhos que o Parkshopping vai proporcionar a partir de 2017. “Vai demandar serviços, as lojas pagarão IPTU, o retorno de ICMS para a cidade será maior com o volume de vendas de mercadorias, e vai estimular o consumo dentro de Canoas”, detalha Bósio.

Centro de vivência
As áreas de lazer são os pontos fortes do shopping, como salienta o diretor de Desenvolvimento da Multiplan, Antonio Sergio Bianco. O empreendimento vai receber uma pista de patinação de 750 metros quadrados. Com uma área integrada ao Parque Getúlio Vargas (Capão do Corvo) e com anfiteatro a céu aberto. ”Temos uma concepção que valoriza o entretenimento e promove o shopping não como um centro de compras, mas de vivência”, ressalta o diretor de Desenvolvimento Imobiliário da empresa Pedro Cortês.

Negociação em andamento
Até a inauguração Cortês aposta na venda dos espaços ainda disponíveis, que totalizam 37% das operações. Só com as lojas âncoras que confirmaram a comercialização o empreendimento já está viabilizado e a procura surpreendeu positivamente, segundo o diretor, que revela estar em negociação com outras duas âncoras. “Existe uma crise que afeta muitos shoppings, mas para o ParkShopping não tem crise. O segredo é a força da marca Multiplan, que é a maior companhia do mercado”, garante. O atraso não provocou reações contrárias aos estabelecimentos que fecharam contrato, de acordo com Cortês, lembrando quea Multiplan possui 80% ParkShopping e responsável por 94,7% dos recursos para a construção, que totaliza R$ 400 milhões em investimentos.

Medidas de compensação

As obras viárias devem ser concluídas antes do término do shopping, segundo Bianco. As contrapartidas da Multiplan incluem duplicação e reurbanização das Avenidas Dr. Sezefredo de Azambuja Vieira e Farroupilha. “Estamos executando conforme a Prefeitura vai liberando. Faltam algumas desapropriações, mas estamos adiantados no cronograma”, informa. O Capão do Corvo, com 70 mil metros quadrados, também será revitalizado recebendo mobiliário e lagos para captação de águas pluviais, entre as medidas de compensação do empreendimento. A Multiplan comprometeu-se a construir uma passarela de ligação entre o shopping e a futura estação do aeromóvel, totalizando R$ 19 milhões entre todos os investimentos.
 
O shopping
Área do terreno: 93.600m²
Área de construção: 120.200m²
ABL (área bruta locável) 48.086m²
Número de lojas: 258
Número de âncoras: 8
Número de megalojas: 7
Supermercado: 1
Estacionamento: 2.500 vagas
Cinema: 5 salas
Restaurantes: 6 operações
Fast Food: 28 operações com 1.100 lugares
Escadas rolantes: 12
Situação da obra: 60% da fundação pronta
Empregos diretos na obra: 1.000
Empregos diretos: 2.000
Empregos indiretos: 3.000
 

Publicidade