Jornais
FECHAR
  • Jornal NH
  • Jornal VS
  • Jornal de Gramado
  • Diário de Cachoeirinha
  • Correio de Gravataí
Grupo Sinos
Publicado em 07/04/2015 - 12h37
Última atualização em 07/04/2015 - 12h38

PIB gaúcho fecha 2014 com variação nula, revela FEE

Os números foram divulgados pela Fundação de Economia e Estatística (FEE) a manhã desta terça-feira (7) em Porto Alegre

Foto: FEE/Divulgação
Porto Alegre
- O Produto Interno Bruto (PIB) do Rio Grande do Sul apresentou variação nula em 2014, em comparação com o ano de 2013. Os números sobre o quarto trimestre do ano passado e o compilado do ano foram divulgados pela Fundação de Economia e Estatística (FEE) na manhã desta terça-feira (7) em Porto Alegre. O PIB representa a soma, em valores monetários, de todos os bens e serviços finais produzidos numa determinada região, durante um período determinado.

Segundo a FEE, os setores de agropecuária e serviços tiveram pequeno crescimento. Colaboraram para esses resultados, na agropecuária, o acréscimo de 1,8% na safra de arroz e de 2,2% na de soja, apesar da queda de mais de 50% na safra de trigo. O setor de serviços elevou-se em 1,2%, com aumento em todas as suas atividades. Já a indústria teve queda de 3,2%, especialmente a de transformação, com redução de 4,2%.

De acordo com o economista da FEE, Martinho Roberto Lazzari, a agricultura teve um bom desempenho. Porém, ele destacou que alguns fatores colaboraram para a queda da indústria gaúcha. “Temos que levar em consideração a desaceleração da indústria brasileira. Outro fator que colaborou para a queda no Estado foi a diminuição das exportações para a Argentina”, acrescentou Lazzari.

Segundo o FEE, o total do PIB gaúcho em 2014 foi de R$ 331,508 bilhões, com crescimento dos preços de 6,8%. Já o PIB per capita foi de R$ 29.560, o que representou uma redução de 0,4% em termos de volume, em relação ao de 2013.

Publicidade